POEMAS

POEMA: 6. Sentimentos.

Eu gosto de falar dos sentimentos, daqueles que vêm do fundo do coração.

Não é fácil, às vezes é preciso cavar, para ainda encontrar.

Sei que é um ato de coragem, em um mundo onde a maioria prefere a ilusão.

Fantasias se misturam à realidade, a gente já nem sabe mais o que é verdade.

Eu gosto de falar dos sentimentos, das emoções, do que todo mundo prefere ocultar.

É tão forte, tão real, que mesmo quando eu estou mudo, eu consigo falar.

Basta olhar no meu olhar.

Calam nossa voz, mas não calam o nosso grito.

O grito que ecoa sem som, sempre vai ser o mais forte.

Por isso ainda falo dos sentimentos.

Por isso ainda falo.

@WellasDiniz


O que você achou do post?

Inspirador
13
Amei
52
Necessário
15
Engraçado
0
Wellas Diniz
Escritor, produtor audiovisual, videomaker e editor de vídeos para cinema, TV e internet. Amo ler e escrever sobre motivação e acredito que palavras são capazes de transformar o dia de alguém.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 1 =

Veja também

Mais em:POEMAS