Filho usa as redes sociais para ajudar a mãe a vender marmitas
ARTIGOSMOTIVAÇÃONOTÍCIAS & HISTÓRIASREDES SOCIAISSONHOS

Filho usa as redes sociais para ajudar a mãe a vender marmitas.

As redes sociais mudaram a forma como a nossa sociedade se comporta. As informações, as relações sociais, o aprendizado, a interatividade, o compartilhamento de histórias, é muito mais fácil e rápido.

Se usadas de forma estratégica, as redes sociais podem ser grandes aliadas e mudar a história de muitas pessoas.

A história que eu vou compartilhar com vocês hoje, foi contada pelo Portal Estado de Minas, aconteceu em Belo Horizonte, e fala exatamente sobre esse espaço que as redes sociais podem dar para alcançar pessoas, buscar ajuda, realizar sonhos.

Marmitex.

Após ficar desempregada, Marilda Aparecida Miguel, moradora da região do Barreiro, em Belo Horizonte, decidiu investir em seu sonho de ter o seu próprio negócio e abriu um espaço para vender marmitas em sua região.

A lanchonete com um nome bem mineiro “Uai Tche”, vendia lanches como cachorro quente, pratos como caldo verde, macarrão na chapa e para impulsionar ainda mais as vendas, a dona Marilda estava tentando vender marmitas.

Só que as vendas das marmitas, não estavam saindo como o planejado.

(foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)

O tweet.

Após um dia mal sucedido nas vendas, dona Marilda, triste com o resultado, enviou uma mensagem para o seu filho Lucas, que dizia o seguinte

“- Vem pegar almoço pra você? Eu não vendi nenhuma até agora.”

Essa mensagem dilacerou o coração de Lucas, pois sabia do esforço de sua mãe e do carinho que ela tinha em fazer as marmitas. Foi então que desabafou no Twitter:

“boa tarde galera! Essa msg da minha mãe me quebrou 🥺Ela abriu uma pequena lanchonete aqui no Tirol, região do Barreiro em BH, e ela vende marmitex com tele entrega tbm, então peço a ajuda de vcs pra ajudarem a divulgar o telefone de contato da lanchonete dela.”Lucas Natan (@lucasnatanm)

Viralizou.

Histórias como essa deixam meu coração quentinho, mostram como a nossa humanidade apesar de tudo que passamos nos últimos tempos, continua viva dentro da gente.

Acredito que o Lucas nem imaginava a proporção que o seu tweet iria tomar, o post teve mais de 70 mil curtidas e foi compartilhado mais de 20 mil vezes.

Pessoas de todo canto do Brasil se sentiram tocadas com a história da dona Marilda que não havia vendido as marmitex do dia.

Começou então uma onda de solidariedade, coisa linda de se ler, pessoas de todo lugar querendo ajudar.

Pessoas que moravam na região começaram a pedir marmitas, e pessoas de outros estados, sugeriram enviar um pix para comprar as marmitas, e a dona Marilda iria levar a marmita adquirida para quem precisava e não tinha condições de comprar em sua região.

Dona Marilda voltou a sorrir.

Em entrevista ao portal Estado de Minas, Lucas disse que os pedidos dispararam após a repercussão.

“Eu não sei nem como agradecer por tudo isso, minha mãe está transbordando de felicidade. O apoio das pessoas foi muito importante. Estamos sem reação com tantos pedidos. A possibilidade de ajudar quem precisa nos alegra muito”, afirmou.

(foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)

Começo de um sonho.

Graças a sensibilidade e ajuda das pessoas, dona Marilda vai poder seguir acreditando em seu sonho de montar o seu próprio negócio no ramo da Gastronomia.

Muitas das vezes em nossa vida, a gente só precisa de um apoio, um incentivo, alguém que diga: “-Vai, você consegue.”

Se você também tem um sonho de montar um empreendimento, divulgar o seu trabalho, seja ele qual for, espero que a história da dona Marilda possa inspirar você.

Use as redes sociais ao seu favor, faça um perfil no Instagram, Facebook, Twitter, Tiktok e comece a divulgar o seu trabalho.

Eu tenho certeza que muita gente vai conhecer a sua história também.

Não desista!

Fonte: Portal Estado de Minas


O que você achou do post?

Gostei
0
Inspirador
0
Amei
7
Necessário
0
Engraçado
0
Wellas Diniz
Escritor, produtor audiovisual, criador de conteúdo digital, editor de vídeos para cinema, TV e internet. Amo ler e escrever sobre motivação e acredito que uma boa troca de ideias é capaz de transformar o dia de alguém.

Veja também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − quatro =

Mais em:ARTIGOS